SANDI PATTY LOVE IN ANY LANGUAGE

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

DEUS NO SEU TRONO: UMA DIFÍCIL ACEITAÇÃO POR PARTE DOS QUE NÃO CRÊEM? NÃO... DOS CRENTES

Fui interpelado por um querido irmão, não por mal é verdade, ( o conheço através de nossos interveros na web ) se sabia o que era molinista * indagado por mim se era molinista* ou molonista* ( ele se dizia um não "molinista"* ) e sugeriu que eu me informasse sobre o assunto ( pressupondo que eu não o sabia- como se fosse algo "muuito" importante de fato - pela ótica dele! ) No momento não me lembrei, mesmo porque há algumas palavras em português fáceis de serem confundidas: "molonista", "molinista", "malinista" e "milenista" ( rs...rs...rs...  ) das quais somente uma ( de fato duas - vide observação ao fim da postagem )  não se referere, ou é objeto, terminologia, jargão teológico ( adivinhe qual ).

A bem da verdade, saber o que é "molonista", mesmo para um cristão, um crente na melhor  e mais simples acepção é até desnecessário. O bordão ou o mote "Sola Scriptura" dos reformados serviria por si só como uma boa justificativa para não encher obrigatoriamente a cachola com esses jargões "teologêses". Aos curiosos direi o que é "molonista" e também dos demais termos. Porém antes, pela razão dessa postagem, queria refletir juntamente com os meus leitores ocasionais, aos quais longe de mim causar qualquer tropeço, seja intencional ( Deus os livre de mim e de minhas considerações pessoais ) ou  inconscientes e desastradas ( das quais seria igualmente e muito apropriada e justamente culpado- chega de mais lixo teológico cristão na web ).

Já dissera em outra postagem que o caminho é longo, árduo e acidentado ( perigoso ) desde a situação, posição ateísta ou pelo menos orgulhosa que ignora sumariamente a possibilidade da existência de um Deus e muito menos do Deus bíblico, passando pela posição religiosa curiosa, politicamente correta, a religiosa pseudobíblica, a posição legitimamente bíblica ou mais próxima dessa, driblando as várias e multiformes posições e inferências teológicas que inflam o nosso orgulho, que nos fazem confundir fé com opinião. Pois essa é a realidade infelizmente. De pecadores humilhados corremos o sério e imediato risco de pesquisadores acerca de Deus, analisadores de sua própria pessoa, indo alguns mais além sendo terapeutas de Deus, colocando-O em um divã, e quase prescrevendo tratamento psíquo. Há os julgadores de Deus, autênticos juízes de seus atos ( de Deus ). Todos esses, ou muitos desses, não O ouvem ( a Deus  ) mas dEle falam ( e muito ), e duvido que falem o necessário a Ele ( ao Deus de quem tanto falam ).

A minha conclusão pessoal que a situação chega a ser tragicômica, semelhante a muito zum-zum para pouco mel. Tenho visto e lido isso na web vindo de várias direções, como ruído de muitas conversas e debates, coros de muitas vozes, mas sempre como mesmo impacto: negativo ou nenhum. O pressuposto é quase sempre o mesmo, de fato recorrente: o de defender a Deus ( não é o mesmo que os fariseus faziam crendo sinceramente que estavam na posição e na ação corretas? )

Já que falamos de crentes, exceptuando os loucos como aquele que a época do Tsunami no Japão afirmara ( aquele "pastor", escritor, conferencista, articulista, consultor, teólogo, fundador e presidente de uma denominação cujo nome reúne pressupostamente o melhor dos dois mundos no protestantismo brasileiro atual - tradição presbiteriana, a o melhor da maior denominação pentecostal  brasileira ) que Deus não pode evitar desastres! Um Deus "oni-impotente" ! Os demais sejam reformados, tradicionais não reformados, pentecostais, neopentecostais, protestantes ou paraprotestantes, e católicos concordam uniformente, que o Deus bíblico, é de fato TODO PODEROSO! Discordam de fato nos objetivos, nos tempos, e como Ele ( Deus ) faz ou deixa de fazer as coisas, incluindo a própria salvação ( no que concerne ao indivíduo exatamente ).

A discussão fica então no terreno do como são as coisas, como são feitas e como elas acontecem. É verdade também que quase sempre ou na imensa maioria das vezes essas posições divergentes são teóricas, ou seja todas as partes apresentam uma arquitetura de idéias que encadeadas, combinadas, ora parecem mais sólidas e ora mais incompletas. São aceitas e defendidas mais por simpatia que por experiência. As vezes ( não poucas ) são aceitas e/ou refutadas por simples conveniência. Decair delas seria ter o orgulho ferido, começar do zero, ter uma vazio e uma lacuna doutrinária, até perder totalmente a fé, etc.

Relacionarei algumas aleatoriamente ( não se trata de um estudo nem tratado teológico mas uma conversa, uma reflexão com base na prática diária ), portanto as frases abaixo podem soar desconexas com relação ao assunto central dessa postagem :

Demônios não são responsáveis e nem tem poder de fazer mal às pessoas!

Crentes não podem estar de forma nenhuma  endemoniados!

O crente não pode perder a salvação!

O homem não tem escolhas ( livre-arbítrio, livre agência, livre qualquer coisa! )

Tudo está escrito e todas as situações são da vontade de Deus ( até as mais desgraçadas e inrazoáeis! )

Uma vez salvo, salvo para sempre ( enquanto se está vivo na terra, no céu é claro que é para sempre! )

Claro que as frases acima são quase caricaturas de situações reais, e nem todas relacionadas ao mesmo assunto, mas o número de  afirmações teológicas soltas, no nível da teologia oficial de cada denominação, da teologia leiga ou mesmo da teologia individual, é quase inumerável. Coloquei-as como ilustração apenas e soam, a muitos como questões menores e até jocosas. O que quero refletir com os leitores é o embrólioque nos metemos e o fato  que muitos gastam saliva e energia em tentar desvendar se Deus é culpado, ou não, mais ou menos culpado da existência do mal, ou ainda  de todo o mal produzido particularmente por nós seres humanos.

As figuras de linguagem e os exemplos pseudo-realísticos são de causar risos ( ou tristeza... dependendo de como e por quem são vistos objetivamente ) .


Um leitor e debatedor em um site cristão-evangélico disse:

"- Se eu deixo uma pessoa morrer de fome na porta da minha casa por lhe negar comida sou culpado e responsável, e isso me faz moralmente mau;"

"-Se alguém está deixando uma pessoa morrer de fome na porta de sua casa por lhe negar comida, mas eu passo em frente e ele com uma bela torta de framboesa ( ?!? ) ao invés de decidir ajudá-lo eu meramente permito que ele morra de fome, então isso não me faz responsável e nem moralmente mau, e eu sou bom e justo e santo!"

Ele falava sobre Deus! Além de ser uma péssima parábola, do ponto de vista do alcance,  da vulnerabilidade do que ela pressupõe. A questão central entre um "calvinista" e um "arminiano" era a origem do mal, e a implicação na liberdade ou não liberdade do homem o que afetaria mais as convicções e a base teológica calvinista do que desse todas as respostas a posição arminiana. De um modo ou de outro Deus não estava no Seu Trono para ambos, como deveria, mas numa reles cadeira de réu ou na bancada de um biólogo a tentar identificar as suas ( de Deus ) vísceras divinas. 

Nunca na nossa humilhação (  na nossa melhor posição diante de Deus ) atreveríamos a tanto,  e olhe que muitos o fazem para defendê-Lo (?!? ). Ele é retirado da Sua altura, da Sua posição exaltada, para de acordo com nossos interesses e satisfação ( mais do que o próprio conhecimento acerca dEle ) o manipulemos e o conformemos a nossa particular conveniência. Que distância ( em termos de respeito ) temos nós os que cremos e O amamos, de um José Saramago da vida, que não o temia e confrontava teimosa e objetivamente a Deus, usando um talento especial do qual foi agraciado pelo Deus que odiava? Beneficiário de uma sorte, de  uma oportunidade, pôde blasfemar e zombar de Deus, tratando como idéia ou objeto de críticas e reparações. Onde está o temor que na ignorância teológica ou na dúvida, deveria nos faze calar, ou pelo menos, como os antigos Israelitas, sequer pronunciar o nome dele levianamente ( de  Deus )?

Convenientemente dizemos:

"-Deus não pode fazer isso!" ( relacionado a milagres! )

"- Não é assim que as coisas são feitas por Deus" ( relacionado a como a sua denominação entende e "aceita"( ?! )  )

"- Isso não existe!" ( línguas estranhas, profecias, possessão demoníaca e expulsão de demônios )


Ou :

Declarações bíblicas só possuem validade segundo medalhões teológicos e determinados best sellers. Mais importantes ( não por ilegitimidade mas por preponderância ) são as declarações de Calvino, Lutero, Piper e uma lista quase infindável de nomes de autores, pregadores, teólogos, articulistas, blogueiros, twiteiros, criadores de movimentos, de tendências "cristãs" etc, as quais não vou consultar só para escrever-lhes os nomes corretamente ( e como é descarada a submissão cultural a nomes e autores, a pregadores estrangeiros! ) Um entulho de novidades boas e ruins, bem como uma carga de pensamentos centenários que após convenientemente dispensados, deveriam despertar-nos a importante questão: e no presente o que Deus está a fazer por nós e em nós? 


Mas gostaria de dizer que a despeito de tudo, de toda a confusão e do imenso movimento, de pessoas e de coisas acontecendo, das mais estranhas as mais maravilhosas, o Deus da Bíblia está no controle, e esse controle não se configura no controle descrito teologicamente, ainda que por cristãos e crentes legítimos. 
E eu desejo dizer algo que espero que alguns entendam muito bem:

O Deus que se assenta sobre o alto e sublime trono está acima de todo nome, de toda potestade, sejam igrejas legítimas, seminários com história e tradição mais que recomendáveis, denominações, opiniões, críticas, ressalvas, teorias, modelos, estratégias, movimentos, lideranças, governos eclesiásticos, etc, etc.

Esse mesmo Deus do Seu alto e sublime trono, ouve o aflito, salva o que clama a Ele e faz maravilhas as quais ainda que não sejam mostradas  na mídia serão conhecidas nos céus e na eternidade. Ele não é envergonhado, não se lhe pode opor, não pode ser derrotado e impedido e Ele mesmo não erra e não falha. A Ele toda a glória, todo louvor, e cale-se diante dEle toda a voz a não ser para reconhecer que só Ele é o Senhor.


Isaías 6

1 No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi também ao Senhor assentado sobre um alto e sublime trono; e o seu séquito enchia o templo.


2 Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam.


 3 E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o SENHOR dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória.


4 E os umbrais das portas se moveram à voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça.
 


Em tempo, conforme prometido no início dessa singela reflexão: 

* molonista:

O IRMÃO EDNALDO ME ALERTOU QUE A REFERÊNCIA A ESSA PALAVRA, AO TERMO MOLONISTA* ESTÁ ERRADA EMBORA A PALAVRA EXISTA MAS NÃO REFERENTE AO COLOCADO AQUI ANTERIORMENTE ( A PALAVRA CORRETA SERIA *"MOLINISTA", CONFUNDIDA NUMA LEITURA E PESQUISA APRESSADAS.

O filósofo cristão Alvin Platinga*² é portanto molinista ( conforme conceito logo abaixo ) em que Deus criara o mundo como mal incluso, de forma como a Sua vontade pré-determinou, mas através das livres volições humanas. Dessa forma Deus não poderia ser culpado pela autoria do mal e nem por ter deixado passivamente que o mal viesse a existir.

*molinista: defensor  da idéia de que a fé é um ato da vontade humana. A fé é posterior a depravação e também a regeneração humana. Todos os homens são igualmente livres e capazes de se voltarem para Cristo. É originalmente católico romana e o seu criador ( Molina ) era um teólogo jesuíta. A doutrina de molina explica a Graça de Deus referente à Salvação.

*² Alvin Carl Plantinga, Ann Arbor, Michigan, 15 de novembro de 1932, é um filósofo norte-americano conhecido por seu trabalho em epistemologia, metafísica e filosofia da religião. Em 1980, Plantinga foi citado como o "principal filósofo protestante ortodoxo dos EUA" pela revista Time. No mesmo artigo, ele foi retratado como figura central na "revolução silenciosa" acerca da respeitabilidade da crença em Deus entre filósofos acadêmicos. Plantinga é um destacado proponente do Molinismo no debate sobre a divina providência.

A despeito de sua formação na tradição reformada holandesa, atualmente Plantinga é professor de Filosofia na Universidade de Notre Dame.

* malinista: natural ou habitante da Croácia

* milenista: cristãos que atentam muito especialmente para o que a Bíblia chama de "o milênio" no livro de Apocalípse ( mil anos de paz literal sobre a terra ). Se dividem em pré-milenistas, pós milenistas e os que se opõem aos dois: amilenistas.


"Muiito" importante no que respeita ao seu dia a dia, a sua real situação espiritual e comunhão com Deus... realmente !? Só se for um crente somente teórico.

Espero que essa postagem seja um ponto de partida para algo melhor,para , por exemplo, verdadeiras prioridades no seu caminhar com Deus.  Embora, aparentemente, possa ser entendida a intenção da postagem como outra, penso ter sido claro: O Senhor reconhecido como Aquele que se assenta sobre um alto e sublime trono e não como objeto de conjecturas pura e simplesmente. Amém.

Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao SENHOR e aparta-te do mal; será isto saúde para o teu corpo e refrigério, para os teus ossos.  

Provérbios 3:7-8 

Por Helvécio S. Pereira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O QUE ACHOU DESSE ASSUNTO?

CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA O DOWNLOAD DESSE E-BOOK

CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA O DOWNLOAD DESSE E-BOOK
Clique na imagem acima e saiba como fazer o download desse importante e-book

EM DESTAQUE NA SEMANA

VOCÊ NÃO PODE DEIXAR DE LER




09 Dez 2010
Reflexões acerca do que a Bíblia revela e declara sob a ótica cristã autêntica. Nada porém substitui a leitura pessoal da Bíblia, a inerrante Palavra de Deus. LEIA A BÍBLIA! Salmos 119:105 Lâmpada para os meus pés é tua palavra, ...
19 Dez 2010
Essa pessoa sai pensando em Deus de um modo ou de outro, e em decisões que fatalmente terá de tomar frente ao divino. Nas prisões, após ouvir um pregador ou missionário de uma ou outra igreja, os criminosos mais terríveis param para ...
01 Dez 2010
A Bíblia é fonte inesgotável de ensinamentos dados do ponto de vista de Deus. As Sagradas Escrituras só não revelam o que, segundo a aprovação de Deus, Ele mesmo por Si não quer revelar-nos. Deus não revela coisas imposto pela ...
09 Dez 2010
Infelizmente ou ao contrário, como seres sociais e assim planejados por Deus, só construímos conhecimento em cima de informações e conhecimentos que nos antecedem. Por isso é natural não poucos de nós repetirmos conclusões feitas por ...

UM ABENÇOADO E VITORIOSO ANO NOVO A TODOS! OBRIGADO A TODOS OS LEITORES E VISITANTES!

Arquivo do blog

TEOLOGIA EM DESTAQUE: DIVERSAS POSTAGENS


26 Ago 2010
Nessa postagem quero deixar claro que dentre as diversas teologias usadas ( teologia popular, teologia leiga, teologia ministerial, teologia profissional e teologia acadêmica ) a que move a igreja e faz avançar o seu ...
27 Out 2011
Por experiência entenda-se todas as comprovações factuais acerca do que se crê conforme a teologia crida, seja essa oficial, oficiosa, leiga, individual, etc. Assim posto, é necessário colocar que o que me fez tocar nesse ...
25 Ago 2010
A teologia leiga é portanto um passo além da teologia popular, na verdade uma passo acima. Quando um crente dedica-se mais sistematicamente a investigação da sua fé , buscando uma melhor forma de não só expor o ...
11 Jan 2011
Conforme postagens anteriores que esclarecem a diferença entre teologia oficial e leiga, evidentemente em todas as igrejas há, por parte de seus membros uma teologia mais popular e uma teologia pessoal. Mesmos ...

links úteis

Atenção!

TODAS AS NOSSAS POSTAGENS TRAZEM ABAIXO LINKS PARA COMPARTILHAMENTO E IMPRESSÃO E SALVAMENTO EM PDF. NO CASO CLIQUEM 'JOLIPRINT' E UM SITE CONVERTERÁ O POST EM UM PDF AGRADÁVEL DE SER SALVO E PORTANTO GUARDADO PARA LEITURA POSTERIOR ( fica visível em alguns navegadores, aproveite essa funcionalidade extra! )

CRISE NO CATOLICISMO

ACESSE JÁ CLICANDO NO LINK ABAIXO

ACESSE JÁ CLICANDO NO LINK ABAIXO
VÁRIAS VERSÕES, ESTUDOS SOBRE CADA LIVRO DAS ESCRITURAS

NÃO PERCA UMA POSTAGEM DIGITE ABAIXO O SEU E-MAIL OU DE UM AMIGO

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

ATUALIDADE ! CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E LEIA AGORA MESMO!

ATUALIDADE ! CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E LEIA AGORA MESMO!
NÃO PERDER O FOCO...QUAL O REAL PRINCÍPIO DO CULTO? CLIQUE NA IMAGEM ACIMA E ACESSE

CURSO TEOLÓGICO GRÁTIS! *HÁ TAMBÉM OUTROS CURSOS DISPONÍVEIS

QUEM INVENTOU O APELO NOS CULTOS?

SOBRE O LIVRO DE GÊNESIS, LEIA AS PRINCIPAIS POSTAGENS

25 Nov 2010
Tenho algumas vezes, em minhas despretenciosas reflexões ( despretenciosas por não terem o tom acadêmico e muito menos professoral, são apenas reflexões ), dito que se não se crer no que o Livro de Gênesis declara, não é necessário ...
31 Jan 2011
-A razão das atuais, ou pelo menos de predominância histórica, das condições existenciais e morais do homem têm no Gênesis a sua satisfatória resposta. A existência de condições nem sempre e totalmente favoráveis a nosso conforto ...
11 Jan 2011
Como parte do pentateuco, o Gênesis, depreciado modernamente graças a nossa submissão e endeusamento da ciência, que com a sua contribuição à saúde, tecnologia e construção material da sociedade, pouco ou quase nada tem a dizer sobre ...
21 Nov 2010
A religiosidade cristã moderna ou atual, de há muito tem se contentado e desprezado as narrativas de Gênesis, precioado por parte majoritária de setores quase que totais do mundo científico e da falsa sensação de que tudo pode ser ...

O GÊNESIS, COM NARRAÇÃO DE CID MOREIRA E IMAGENS

NÃO DEIXE DE LER OS SEGUINTES POSTS DENTRE OS MAIS LIDOS...

29 Mai 2010
UM LIVRO OBRIGATÓRIO PARA CATÓLICOS E EVANGÉLICOS ACERCA DA ERRÔNEA CULTURA DO CULTO A MARIA. Recebi por indicação do irmão Jorge Fernandes Isha, um e-book gratuito, de leitura obrigatória para os evangélicos e para ...
16 Fev 2010
Judas era o mais culto, de origem e status social diverso dos demais, de outra cidade, e foi substituído não pelo apóstolo dentre os discípulos eleito pelos demais, por própria escolha de Jesus, após a morte de Estevão, Saulo, discípulo de Gamaliel, provavelmente o mais preparado ...Melquesedeque, Maria , José, e tantos outros. Deus se dá a conhecer plenamente a cada um que o ama. O ue Ele fará na história as vezes não noscompete saber, as vezes sim. Essa é a diferença. ...
19 Mar 2010
Tal qual os fariseus, põem não poucos impencilhos que vão desde reparações a pregação simples e com pouca ligação com a hermeneutica e pregação convencionais, a música, letra das canções, a ordem do culto, forma dos apelos e ... Essa pessoa , esse novo crente, como filho ou filha de Deus de fato, tem agora uma nova vida, como Madalena, Zaqueu, o Gadareno, o Centurião, Nicodemos,o ladrão da cruz, Marta e Maria, Lázaro ( não necessariamente nessa ordem ), e tantos outros. ...
04 Mar 2011
Nesse aspecto seria legítimo um católico cultuar Maria como N.Senhora, um muçulmano a Maomé como seu legítimo profeta, um budista como objeto de culto, e assim por diante. Todoslçegitimamente amparados por sentimentos sinceros e ...
English (auto-detected) » English




English (auto-detected) » English


English (auto-detected) » English

VISITE JÁ UM BLOG SOBRE ATUALIDADES RELIGIOSAS E FATOS IMPORTANTES NO MUNDO

VISITE JÁ  UM BLOG SOBRE ATUALIDADES RELIGIOSAS E FATOS IMPORTANTES NO MUNDO
CONTANDO OS NOSSOS DIAS ACESSE JÁ. CLIQUE AQUI!

ESTUDE EM CASA.TRABALHE EM CASA!

leitores on line

OPORTUNIDADE!

LEIA: E-BOOKS EVANGÉLICOS GRÁTIS Clicando na imagem a abaixo você fará os downloads dos mesmos